Buscar
  • Grupo Ecar

Mitos e verdades sobre abastecimento

Abastecer seu veículo está cada vez mais caro, por isso é sempre importante ter algumas dicas em mãos para conseguir economizar um pouquinho entre nossas diversas despesas mensais.


Aqui, separamos alguns dos mitos e verdades sobre o abastecimento de carros e te damos dicas sobre, quem sabe, gastar um pouco menos.


Um tanque cheio economiza combustível?


VERDADE! mas a economia é pequena. A preços de combustível atuais, dirigir com o tanque cheio parece um luxo, não é? Mas à medida que o tanque se aproxima da capacidade total, a quantidade de evaporação do combustível diminui.


Por outro lado, quando o espaço do tanque de combustível é maior, o combustível evapora mais rápido e o consumo é maior.


Tudo isso depende da temperatura e de quanto tempo o combustível fica armazenado no carro. A diferença só é sentida após meses de evaporação.


Colocar o tanque de gasolina na "boca" faz mal para o veículo?


VERDADE! Dissemos acima que dirigir com o tanque cheio economiza dinheiro, mas o “choro” extra que muitos frentistas dão para dar arredondamento, pode danificar o veículo. Enfiá-lo até o topo, então, pode ser um desastre completo.


Usar apenas um combustível causa dependência do motor?


MENTIRA! Os motores flex atuais são muito modernos e podem trabalhar com qualquer mistura em qualquer proporção. Portanto, mesmo que você sempre prefira gasolina ou etanol, o desempenho não muda quando você troca. Apenas o rendimento e o consumo mudam, dependendo do uso.


Os carros consomem mais combustível no frio?


Você pode pensar que é mentira, mas é VERDADE! Mas espere, a diferença é pequena. O consumo de combustível aumenta quando está frio, pois a pressão do ar nos pneus também diminui quando a temperatura está baixa, então o carro precisa consumir mais combustível para manter os pneus rodando no chão, aumentando assim o consumo de combustível.


Na estrada, com ventos gelados, a resistência do ar também é outro fator importante que aumenta o consumo de energia do veículo.


O etanol consome mais rápido do que a gasolina?


VERDADE! O etanol tem menor poder calorífico e, portanto, produz menos energia e rende menos quilômetros por litro do que a gasolina.


Se você não tem certeza de qual colocar no posto de gasolina, há um cálculo simples que pode economizar muito dinheiro. O etanol tem 70% do poder calorífico e valor energético da gasolina, então produz em média 70% da gasolina.


Para calcular quem paga mais, basta dividir o preço da gasolina pelo preço do etanol (preço da gasolina/preço do etanol). Se o valor for superior a 0,7, abasteça com gasolina. Esse é um valor médio, mas o consumo pode variar de carro, pé pesado do motorista e trajeto.


O etanol tornará os carros mais potentes que a gasolina?


VERDADE! O número de octanagem é um indicador de resistência à autoignição em um motor e é muito importante. Na mistura utilizada na câmara de combustão, o etanol tem octanagem de 107 a 110, enquanto a gasolina comum vendida no Brasil tem octanagem de 87.


Essa diferença dá mais potência ao carro na hora de adicionar álcool.


Mas há uma ressalva: se o motor do carro não tiver uma taxa de compressão alta o suficiente para utilizar toda a octanagem que esse combustível fornece, não faz sentido completar com etanol.


Um carro na reserva pode danificar o motor?


VERDADE! Não é a melhor notícia para os amantes de reservas. Funcionar com combustível "sem cheiro" pode causar problemas no veículo.


O principal risco é a bomba de combustível localizada no tanque de combustível. Isso porque o combustível que alimenta o motor também é responsável por manter o motor resfriado, evitando o superaquecimento e, portanto, a queima de componentes.


Use a reserva somente em emergências para não danificar o motor.


Gostou de nosso conteúdo? Continue acompanhando nosso blog.


Que tal economizar muito combustível em sua operação de frota? Temos a solução ideal para você. Fale com a Ecar Fleet e garanta a maior eficiência possível com os menores gastos.
5 visualizações0 comentário